Resenha: A Infiltrada: Infiltrando-se na N.S.A de Natália Marques

Resultado de imagem para a infiltrada natalia marques     


Titulo: A Infiltrada: infiltrando-se na N.S.A (Primeira Temporada)

Autora: Natália Marques
Editora: Editora Lio
Paginas: 479
Ano: 2011
ISBN: 978-85-89429-32-0


Tudo começa quando Claire Evans, uma órfã criada pela temida máfia Italiana Padova, recebe uma missão com um prazo de um ano, e que para todos os efeitos era considerada impossível. Ela teria que se permitir a entrada de um carregamento de drogas no país americano e o mais importante matar o Generalíssimo Alan Beckert.


Alan Beckert, órfão desde os cincos anos, cresceu em um orfanato com o objetivo de matar os responsáveis pelo assassinato dos pais, a Mafia Padova. Para alcançar o seu objetivo ele se tornou o Generalíssimo, e é considerado um dos melhores militares de seu tempo no país.

Para que a missão fosse concluída com sucesso Claire, sob o pseudônimo de Hailey Dawson, se infiltra no treinamento militar na Agencia Nacional de Segurança Norte Americana, a N.S.A. Aos poucos Claire se aproxima do Generalíssimo e acaba descobrindo que a pessoa rude, fria e cruel, não passa de uma mascara, que esconde uma pessoa que foi brutalmente ferida e cuja as cicatrizes ainda estão abertas e expostas.

Desde do começo o Generalíssimo percebe que Claire não é uma pessoa muito confiável e ele sabe que ela esconde um segredo. Ele faz o impossível para tornar a vida da Novata Dawson um inferno, obrigando a superar limites que para ela, até aquele momento eram incansáveis.

Mesmo não admitindo ambos possuem algumas semelhanças, como por exemplo o orgulho, a forca que eles tiveram para encarar a algumas situações que a vida lhes impões, mas principalmente a atração que ambos sentem mais que não admitem. 

Será que Claire vai concluir a missão, mesmo sabendo que isso pode lhe custar a vida, ou ela vai se entregar a essa atração?

Devo dizer que esse livro é derivado de uma Fanfic de Crepúsculo e desde daquela época já era notável o talento que a Natália tem em escrever. Esse foi o primeiro livro de autor nacional que eu li e que foi o responsável direto em dar uma oportunidade para os outros escritores nacionais.

A narrativa da Natália é fácil, fluida, envolvente, engraçada na medida certa e viciante. Apesar dos capítulos serem longos você não consegue parar de ler, a historia é de uma qualidade impressionante, daquelas que não encontramos muito hoje em dia. Os personagens são bem construídos, eles são envolventes e apaixonantes. Ela consegue fazer você ter os mesmos sentimentos que os personagens possuem no momento, faz você chorar, rir, sentir raiva, angustia, faz você torcer para que tudo de certo no final.

Esse livro foi com certeza um dos melhores que li em toda a minha vida, ele é simplesmente inesquecível.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo